Domingo, 19 de Maio de 2024

Geral Quinta-feira, 25 de Janeiro de 2024, 20:11 - A | A

25 de Janeiro de 2024, 20h:11 - A | A

Geral / Nova Canaã do Norte

Acusado de Homicídio Doloso Tem Crime Desclassificado para Culposo

Estratégia dos Advogados Modifica Natureza do Crime no Caso Envolvendo Nivaldo da Silva, apontado como autor do assassinato de Melquizedeque Abreu



Gil Alves l Canaã Noticias

Aconteceu na terça-feira, 23/01, na Câmara Municipal de Nova Canaã do Norte, o júri popular que envolveu o réu Nivaldo da Silva, de 57 anos, mais conhecido como “Índio”, acusado de homicídio doloso (com intenção de matar). Índio é apontado como autor do assassinato de Melquizedeque Abreu dos Santos, de 36 anos, ocorrido em 04 de junho de 2023, no Bairro Papine, em Nova Canaã do Norte.

A equipe de defesa, composta pelos advogados Dr. Jayme Rodrigues Carvalho Júnior e Dr. Silvio Eduardo Polidório, conseguiu uma reviravolta no caso ao desclassificar a infração penal de homicídio doloso (com intenção de matar), para homicídio culposo (sem intenção de matar). A estratégia da defesa alterou significativamente a natureza do crime imputado ao réu. No veredito, os jurados não consideraram que o acusado praticou crime doloso contra a vítima, o que levou o juiz a julgar o mérito da causa. No entanto, Índio foi condenado por posse irregular de arma de fogo, e a pena estipulada pelo juiz foi de um ano e quatro meses de detenção.

Em um ponto relevante da sentença, não foi decretada a custódia cautelar do réu neste momento, permitindo que ele responda o restante da pena em liberdade. A decisão ainda determina o encaminhamento da arma de fogo e munições apreendidas ao Comando do Exército, conforme previsto na legislação vigente. A defesa comemorou a desclassificação do crime, e a partir de agora, o réu Nivaldo da Silva, de 57 anos, mais conhecido como “Índio”, aguarda em liberdade o cumprimento das demais determinações judiciais, incluindo o pagamento de multas, e a sentença completa será comunicada aos órgãos competentes após o trânsito em julgado.

O CASO

No dia  (04/06/2023, uma discussão aparentemente banal entre colegas de trabalho, ambos pedreiros, tomou um rumo trágico e resultou em um homicídio chocante na cidade de Nova Canaã do Norte . Melquizedeque Abfreu dos Santos, 36 anos, perdeu a vida após um colega, identificado como Nivaldo da Silva, de 57 anos atirar contra ele sem motivo aparente.

O incidente ocorreu na residência de N.S., localizada no bairro Jardim das Flores, onde Melquizedeque estava presente com outros quatro amigos, desfrutando de um momento de descontração regado a bebidas. Segundo informações obtidas no local, a atmosfera amigável foi abruptamente interrompida quando N.S. pegou um rifle calibre 22 e começou a disparar contra as paredes.

De acordo com relatos das testemunhas presentes, em um ato repentinamente violento, N.S. direcionou o rifle na direção de Melquizedeque e efetuou um disparo fatal na cabeça do colega de trabalho. O motivo por trás dessa ação brutal permanece desconhecido, deixando amigos e familiares perplexos diante do ocorrido.

As duas testemunhas presentes no local narraram os fatos à polícia, fornecendo detalhes sobre o ocorrido. As autoridades estão investigando o caso para entender as circunstâncias que levaram a essa tragédia e apurar as responsabilidades do suspeito.

O suspeito, N.S., foi detido pelas autoridades locais e está sob custódia, aguardando os desdobramentos das investigações. A justiça buscará esclarecer os motivos por trás desse ato violento e garantir que a responsabilidade seja devidamente atribuída.

 

Comente esta notícia

Rua Ivandelina Rosa Nazário (H-6), 97 - Setor Industrial - Centro - Alta Floresta - 78.580-000 - MT

(66) 3521-6406

[email protected]