Sexta-feira, 24 de Maio de 2024

Geral Sábado, 27 de Agosto de 2022, 19:38 - A | A

27 de Agosto de 2022, 19h:38 - A | A

Geral /

Delegado da PF morre baleado em operação contra extração ilegal de madeira

Roberto Moreira da Silva Filho, de 35 anos, abordava caminhões junto com a sua equipe quando um dos veículo recusou a ordem de parada



Reportagem/ Mato Grosso do Norte

  O delegado da Polícia Federal (PF) Roberto Moreira da Silva Filho, de 35 anos, morreu durante uma operação contra a extração ilegal de madeira, em Aripuanã, em Mato Grosso, após ser atingido por um tiro, neste sábado, 27. Segundo a PF, o delegado e sua equipe estavam abordando caminhões que passavam pelo local.

Entretanto, um dos veículos descumpriu a ordem de parada da polícia, e tentou atropelar os agentes. Os policiais então atiraram e uma das balas bateu no caminhão e voltou atingindo o delegado. Ainda não se sabe de onde partiu o tiro, se foi da arma dele ou de um colega, de acordo com a polícia.

Conforme a assessoria de imprensa da corporação, o caso aconteceu quando uma equipe de policiais tentou parar um caminhão carregado de madeira. O motorista não parou e os policiais atiraram no veículo, mas uma das balas teria ricocheteado e atingido Roberto.

O delegado  desde março deste ano, estava atuando na Operação Onipresente, que tinha como objetivo acabar com o desmatamento em terras indígenas. O ministro da Justiça e Segurança Pública Anderson Torres, através das redes sociais, lamentou o ocorrido e disse que recebeu a notícia com "imenso pesar".

Roberto Filho era de Brasília e  havia menos de dois anos em Mato Grosso, para atuar no combate a crimes ambientais. Atualmente, ele era chefe da Delegacia de Repressão a Crimes Contra o Meio Ambiente e Patrimônio Histórico (DELEMAPH-MT).

Nos últimos meses, várias operações foram deflagradas contra garimpos ilegais e extração de madeira sem autorização no estado, inclusive em terras indígenas.

nformações iniciais eram de que o delegado teria sido atingido por disparo efetuado por um madeireiro da região. Porém, por volta das 9h deste sábado, a assessoria de imprensa da PF corrigiu a informação. Um texto divulgado em grupo de policiais federais no WhatsApp lamentou a morte.

"Prezados Colegas, é com muito pesar que informo o falecimento em serviço do DPF ROBERTO MOREIRA DA SILVA FILHO, chefe da DELEMAPH / MT, na data de ontem (26/08), no município de Aripuanã/MT. Os fatos estão sendo apurados pela equipe de plantão da SR/PF/MT, com apoio da DPF/SIC/MT. Presto as mais profundas condolências à família e aos amigos do estimado colega, que tanto engrandeceu a Polícia Federal com sua dedicação e companheirismo", dizia a mensagem.

 

Comente esta notícia

Rua Ivandelina Rosa Nazário (H-6), 97 - Setor Industrial - Centro - Alta Floresta - 78.580-000 - MT

(66) 3521-6406

[email protected]