Domingo, 19 de Maio de 2024

Atualidades Sexta-feira, 19 de Agosto de 2022, 17:08 - A | A

19 de Agosto de 2022, 17h:08 - A | A

Atualidades / Monkeypox

Mato Grosso registra 43 casos suspeitos de varíola e 13 deles estão confirmados

A principal forma de transmissão da doença é por meio de relação sexual, mas não é a única



Assessoria

Mato Grosso registrou até a tarde desta sexta-feira (19) 13 casos confirmados de contaminação pelo vírus monkeypox. Como o número de doentes tem aumentado, a Secretaria de Estado de Saúde (SES) passou a divulgar diariamente boletim com casos suspeitos e confirmados.

 Conforme o documento mais recentes, foram identificados 43 casos suspeitos em 15 cidades do estado. Contudo, 13 deles tiveram confirmação e os doentes estão sob monitoramento, isolados.Cuiabá tem 7 casos, Várzea Grande 3, Sorriso 1, Nova Xavantina 1 e Tangará da Serra também 1 teste positivo.Outros 25 casos suspeitos ainda esperam resultados de exames. Quatro dos 43 analisados já foram descartados.

Transmissão
A principal forma de transmissão da doença é por meio de relação sexual, mas não é a única. Ela ocorre quando uma pessoa entra em contato com o vírus, podendo ser através do contato com animal doente, materiais ou humanos contaminados. A transmissão entre humanos pode ocorrer por secreções respiratórias (gotículas), através de lesão na pele (mesmo que não seja visível), por meio de objetos recentemente contaminados e por meio de fluidos corporais e secreções das membranas mucosas (olhos, nariz ou boca).

 Pessoas que apresentarem sintomas devem procurar atendimento médico e informar se tiveram contato com animal ou humano doente ou material contaminado ou viagem para o exterior no último mês antes do início dos sintomas.
Importante ressaltar que animais sadios não transmitem a doença.

Comente esta notícia

Rua Ivandelina Rosa Nazário (H-6), 97 - Setor Industrial - Centro - Alta Floresta - 78.580-000 - MT

(66) 3521-6406

[email protected]