Sábado, 18 de Maio de 2024

Atualidades Quarta-feira, 10 de Agosto de 2022, 07:00 - A | A

10 de Agosto de 2022, 07h:00 - A | A

Atualidades / perigo

Roubos de cargas aumentam 52% em MT

De janeiro até junho, foram contabilizadas 172 ocorrências no total, uma média de aproximadamente uma vítima por dia



Reportagem
Mato Grosso do Norte

Empresas de transporte rodoviário de cagas tiveram um expressivo crescimento catapultado por produtos agrícolas, e-commerce, farmacêuticos, higiene e limpeza e alimentação. No entanto, aqui no Brasil, o setor de transporte de cargas rodoviárias tem pouco tempo para comemorar uma vez que seu desempenho positivo traz a preocupação do aumento de roubos de carga.
Impulsionados pela demanda gerada pela pandemia, o setor do agronegócio tem sido um dos que mais sofreram. O roubo de cargas em Mato Grosso, localização estratégica por ser o maior produto de grãos do país, cresceu 52% no primeiro semestre de 2022. De janeiro até junho, foram contabilizadas 172 ocorrências no total, uma média de aproximadamente uma vítima por dia. Em 2021, no mesmo período, foram contabilizados 113 casos.”

De janeiro até junho, foram contabilizadas 172 ocorrências no total, uma média de aproximadamente uma vítima por dia

Com o reaquecimento da economia em 2021 por conta do agronegócio e principalmente na região de Mato Grosso, localização estratégica, os caminhões se tornaram alvos de bandidos que levam as cargas para a Bolívia e trocam por entorpecentes” – explica o comandante do Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron), Fábio Ricas.
Em meio às crescentes tensões de abastecimento de fertilizantes vindos da Rússia, decorrentes da guerra na Ucrânia, as estatísticas de roubos de carga tendem a se agravar, uma vez que o volume negociado aumente por conta do receio de desabastecimento. “Geralmente, quando há preocupação de um possível risco de desabastecimento, como o que vem acontecendo agora com os fertilizantes, os produtores tendem a aumentar seus pedidos de modo a minimizarem prejuízos decorrentes de uma possível falta de estoque. Como esse tipo de produto é uma carga bastante visada, as estatísticas de roubo a cargas tendem a aumentar drasticamente” - explica Luiz Henrique Nascimento, diretor comercial da T4S Tecnologia.
Com a experiência adquirida nós tempos em que ambos trabalhavam com logística, eles desenvolveram um sistema que em caso de tentativa de roubo de cargas, o criminoso leva um choque não letal.
Com esse aumento considerável de volume transportado pelo agronegócio, gerado pela demanda emergencial de defensivos agrícolas, as empresas de transportes rodoviários tiveram que focar em soluções preventivas, e isso fez aumentar o faturamento da startup. O faturamento da T4S tem dobrado ano após ano, sendo que a empresa encerrou 2021 com lucro de R$40 milhões, e em 2020, R$ 21 milhões.

Comente esta notícia

Rua Ivandelina Rosa Nazário (H-6), 97 - Setor Industrial - Centro - Alta Floresta - 78.580-000 - MT

(66) 3521-6406

[email protected]