Terça-feira, 21 de Maio de 2024

Esporte Sexta-feira, 07 de Outubro de 2022, 09:45 - A | A

07 de Outubro de 2022, 09h:45 - A | A

Esporte / VIVE BOA FASE NO PSG

Messi assegura que Copa do Mundo do Catar será a última de sua carreira

Estou contando os dias para disputar o Mundial. Há um pouco de ansiedade e nervosismo, tudo ao mesmo tempo



Conteúdo Estadão

A Copa do Mundo do Catar deve ser a última com a participação de Lionel Messi. Durante entrevista a um programa do serviço de streaming Star+, o craque argentino de 35 anos foi questionado se o mundial deste ano pode ser o último de sua carreira, e a resposta foi simples. ‘Sim. Certamente, sim', afirmou. Diante deste cenário, vive dias de inquietação enquanto aguarda pela última chance de conquistar uma Copa com a seleção argentina.

 ‘Estou contando os dias para disputar o Mundial. Há um pouco de ansiedade e nervosismo, tudo ao mesmo tempo. Quero que seja logo, tem o nervoso de estar ali, o que vai acontecer. Não vemos a hora que chegue, e também há a expectativa de querer ir bem', afirmou o atacante, que também disse sentir-se em excelente forma física para buscar o título inédito.

 ‘Sinto-me bem fisicamente. Consegui fazer uma pré-temporada muito boa, algo que não tinha feito no ano anterior. Tinha começado a treinar mais tarde, a jogar algumas datas depois e sem ritmo. Depois fui para a seleção nacional, quando tive uma lesão. A pré-temporada deste verão foi essencial para começar de uma forma diferente. Cheguei com outra cabeça, outra mentalidade e muito entusiasmo', comentou.

 A temporada passada, primeira de Messi pelo Paris Saint-Germain, não foi das melhores para ele. A relação com a torcida foi um pouco conturbada, principalmente depois da eliminação na Liga dos Campeões. Na atual temporada, contudo, o argentino conseguiu reconquistar os torcedores com oito gols e oito assistências em 13 jogos disputados até agora.

 Quando o assunto é a seleção argentina, o atacante desfruta de um momento de muita conexão com os torcedores, mais otimistas do que nunca com a possibilidade de ver o time nacional voltar a ser campeão mundial. Isso se dá porque a Argentina está invicta há 35 jogos e, no meio do caminho da série positiva, conquistou o título da Copa América em cima do Brasil, em 2021, no Maracanã. Apesar disso, Messi não quer aceitar o favoritismo.

 ‘Não sei se somos os grandes candidatos, mas a Argentina é, sim, candidata sempre, pela história, pelo que significa. Ainda mais agora no momento que chegamos. Mas não somos os maiores favoritos, para mim. Há outras seleções que estão acima de nós hoje, mas estamos muito perto', opinou.

 Messi e seus companheiros argentinos estreiam na Copa do Mundo do Catar no dia 22 de novembro, em duelo com a Arábia Saudita. Integrante do Grupo C, também terão compromissos diante do México e da Polônia de Robert Lewandowski.

Comente esta notícia

Rua Ivandelina Rosa Nazário (H-6), 97 - Setor Industrial - Centro - Alta Floresta - 78.580-000 - MT

(66) 3521-6406

[email protected]