Sábado, 18 de Maio de 2024

Política Sexta-feira, 02 de Setembro de 2022, 08:20 - A | A

02 de Setembro de 2022, 08h:20 - A | A

Política / Transporte escolar

“Está faltando óleo e entrando poeira dentro de ônibus”, diz vereador

Naldo da Pista cobrou de forma enérgica, à secretaria de Educação, providência para a qualidade do transporte escolar na zona rural



José Vieira
Mato Grosso do Norte

O vereador Reginaldo Luiz da Silva, o Naldo da Pista (Republicanos) usou na Tribuna da Câmara Municipal de Alta Floresta, na sessão de terça-feira, 30/9, para tecer forte críticas à Educação Municipal, especificamente na qualidade do Transporte Escolar na zona rural do município.
O parlamentar iniciou seu pronunciamento, fazendo um parâmetro, mostrando fotos de ônibus em péssimas condições, que estariam sendo usados no transporte escolar na zona rural do município. As fotos apresentadas por Naldo mostram os ônibus usados em gestões passadas, com pneus ‘carecas’. E comparou com a gestão atual em que está entrando poeira dentro de ônibus, afetando as condições de saúde das crianças.

Sem citar nomes, o vereador disse que entrou em contato com um diretor da Secretaria de Educação e foi mandado outro ônibus para fazer a substituição. Mas o veículo quebrou ainda na segunda-feira, deixando as crianças na metade do caminho da Escola.
“Como representante da zona rural, não vou aceitar que mande ferro velho para fazer o transporte Escolar, ônibus que não ofereçam condições dignas para as crianças”, protestou.
Na linha da fazenda Estrela, o vereador disse que recente, recebeu mensagem de um pai de aluno, lhe comunicando que em dois dias seguidos [na segunda e terça-feira] os alunos não tiveram aula, por falta de óleo diesel para abastecer o ônibus escolar. “Fui verificar, me disseram que não está faltando óleo na secretaria de Educação. Na quarta-feira da semana passa funcionou normal e na quinta-feira, o ônibus quebrou. E na sexta-feira, na Escola Rodrigues Alves, me informaram que lá também está faltando óleo”, disse.
Naldo afirmou que na segunda-feira esteve na Comunidade São Mateus para averiguar de perto a situação. E foi informado que o ônibus escolar só recebe 50 litros de óleo, sendo que o veículo gasta 20 litros somente em uma linha. E são duas linhas feitas pelo veículo.

Se por acaso trocarmos mensagens, vocês não me mandem áudio que eu não possa compartilhar com o povo. A forma de dar resposta as cobranças que o povo me faz, e compartilhar os áudios de vocês

“Só em um dia acaba estes 50 litros e as crianças podem ficar sem aula novamente por falta de óleo”, rechaça.
Naldo aproveitou seu pronunciamento para mandar um recado para todos os secretários, diretores e coordenadores da gestão municipal. “Se por acaso trocarmos mensagens, vocês não me mandem áudio que eu não possa compartilhar com o povo. A forma de dar resposta as cobranças que o povo me faz, e compartilhar os áudios de vocês. Estou dizendo isto, porque recebi uma mensagem de uma pessoa, me dizendo: vereador, a mensagem que trocamos, você não pode passar para a frente. Então, se não for para compartilhar, não me mande a mensagem que vou cobrar aqui pela tribuna”, enfatizou.
Naldo disse que, para falar com a secretária de Educação, Néinha, tem que marcar horário, afirmando estar de saco e cheio e que paciência tem limite.

Comente esta notícia

Rua Ivandelina Rosa Nazário (H-6), 97 - Setor Industrial - Centro - Alta Floresta - 78.580-000 - MT

(66) 3521-6406

[email protected]