Sexta-feira, 24 de Maio de 2024

Política Domingo, 18 de Setembro de 2022, 10:45 - A | A

18 de Setembro de 2022, 10h:45 - A | A

Política / RELATOR DA PEC

Fábio Garcia destaca queda do preço em todo o país

Reduzimos o imposto do etanol, e por isso todos estão vendo o preço caindo nas bombas e aliviando o bolso do consumidor



Assessoria

Etanol mais barato nas bombas, alívio no bolso do cidadão. O consumidor brasileiro está vendo o resultado prático do trabalho de Fábio Garcia, que relatou a PEC 15 e assegurou a redução de impostos e a queda dos preços em todo o país. A mudança na Constituição, liderada por Fábio Garcia no Congresso, já provocou uma queda significativa dos preços do biocombustível em todos os estados, de acordo com um levantamento realizado pela Agência Nacional do Petróleo (ANP).  

 "É muito gratificante ver os resultados concretos do nosso trabalho, com uma mudança que já está impactando positivamente a vida de todos os brasileiros. Como relator da PEC, asseguramos que nos próximos 20 anos todo cidadão brasileiro vai comprar etanol mais barato. Porque para as pessoas optarem pelo etanol, o preço tem que estar sempre 30% mais barato. Reduzimos o imposto do etanol, e por isso todos estão vendo o preço caindo nas bombas e aliviando o bolso do consumidor", disse Fábio.  

 O candidato a deputado federal pelo União/MT destacou que a mudança ainda garante a competitividade deste combustível limpo, 100% renovável e 100% nacional. Mato Grosso é o terceiro maior produtor brasileiro de etanol e a Fiemt prevê, a partir da PEC, investimentos da ordem de R$ 5 bilhões na indústria de biocombustíveis do estado. "Então ganha o consumidor que já conta com o etanol mais barato, ganha o meio ambiente com a redução da poluição da gasolina e diesel e ganha o trabalhador com a maior oferta de empregos", analisou.   

 "Continuarei trabalhando nesta linha da política de resultados, com foco em mudanças que efetivamente melhoram a vida do cidadão, com menos impostos e mais empregos para todos", disse Fábio, lembrando que Mato Grosso tem hoje uma das menores cargas tributárias do país. O governo Mauro Mendes reduziu o ICMS do etanol para 12,5%, além de outras reduções na tributação da energia, gás, telefonia e internet.

Comente esta notícia

Rua Ivandelina Rosa Nazário (H-6), 97 - Setor Industrial - Centro - Alta Floresta - 78.580-000 - MT

(66) 3521-6406

[email protected]