Terça-feira, 23 de Julho de 2024

Política Segunda-feira, 06 de Agosto de 2018, 00:00 - A | A

06 de Agosto de 2018, 00h:00 - A | A

Política /

MT não pode voltar ao passado



 

 o PSDB lançou no domingo (5), em Cuiabá, a candidatura do governador Pedro Taques à reeleição. O vice-governador da chapa é o produtor rural Rui Prado, também do PSDB. Ao Senado, o partido lançou a candidatura do deputado federal Nilson Leitão. A coligação tem o PSDB, PSL, PPS, PRP, Avante, DC, Solidariedade, Patriota, PRPB e PSB.

Além de 'ressuscitar' o slogan da casa arrumada, do ex-governador falecido, Dante de Oliveira, Taques usou boa parte de seu discurso para defender que o Estado não pode voltar ao passado.

O tucano prometeu resolver os problemas da sociedade e destacou diversas ações de sua gestão voltadas para a classe mais humilde.

“Se olhar para o que mais precisa for errar, eu quero confessar a vocês que quero continuar a errar”, declarou.

Taques ainda criticou a debandada de ex-aliados que hoje estão no palanque de defende a eleição de Mauro Mendes (DEM) ao Governo do Estado

"Vamos investir em escolas integrais e na melhoria de segurança pública para reduzir os índices de violência", disse.

Ele também disse que, se reeleito, quer investir mais em saúde. "Vamos fazer melhorias na saúde, que já avançou um pouco porque milhares de pessoas já realizaram cirurgias. Iremos entregar também os títulos de regularização fundiária para as pessoas", afirmou.

“Alguns desistiram. Alguns abandonaram. Alguns foram para a escuridão, mas nós não desistimos porque eu tenho fé e esperança que estamos no caminho certo”.

Sobre a disputa pelo Palácio Paiaguás, Taques destacou que espera ataques pelas redes sociais, como ‘memes’ e ‘fakenews’. O tucano ainda aproveitou para apontar arrogância no palanque adversário.

(Informações: G1 e Reporter MT)

Foto/ Reporter MT

Comente esta notícia

Rua Ivandelina Rosa Nazário (H-6), 97 - Setor Industrial - Centro - Alta Floresta - 78.580-000 - MT

(66) 3521-6406

[email protected]