Terça-feira, 23 de Julho de 2024

Política Sexta-feira, 28 de Setembro de 2018, 00:00 - A | A

28 de Setembro de 2018, 00h:00 - A | A

Política /

Educação é o eixo central da professora Maria Lúcia



Maria Lúcia (PCdoB) fala nessa entrevista sobre suas principais bandeiras como postulante ao cargo e também sobre os projetos que deve defender caso seja eleita. Ela exalta a necessidade de investimento em educação.  

Seu principal projeto, caso seja eleita senadora, é a educação?    
 Com certeza a educação para nós é o eixo central de todo processo de desenvolvimento, mas venho na defesa de um projeto que denominamos democrático popular, trazendo a população de menos renda e também os trabalhadores como preocupação central. Quando você traz essa população como a sua preocupação determinante, você tem na educação um dos meios possíveis de ascensão social. Por isso investir desde a educação infantil até a pós-graduação é fundamental se nós quisermos ter um país desenvolvido.   
 A educação infantil foi deixada de lado no país durante muito tempo e continua assim, o que pode ser feito?   
 Não há hoje uma preocupação com a educação infantil, tanto que só são atendidas 30% das crianças e todas as pesquisas de desenvolvimento social no mundo entendem que essa é a porta para ter um desenvolvimento da educação com qualidade. Por isso queremos trabalhar em projetos para escola infantil e também trazer uma rede de proteção às mulheres trabalhadoras que podem deixar seus filhos lá com segurança. É preciso investir nas séries iniciais, onde acontece a alfabetização, porque caso contrário teremos problemas nas escolas de ensino médio que está abaixo da média nacional e perdendo uma geração de jovens.   
 Que avaliação a senhora faz da campanha no Estado de Mato Grosso?   
 Estou muito animada, conversado bastante e visitado algumas regiões. Claro que não vamos em todos os lugares porque temos um financiamento pequeno em nossa campanha, mas existe uma compreensão grande de que sou defensora de um projeto chamado democrático popular e que o trabalhador é nosso centro, com investimento forte no Minha Casa Minha Vida, no Luz Para Todos, a volta do emprego. Temos 14 milhões de desempregados no Brasil e é um problema sério que teremos que enfrentar. Uma das minhas primeiras propostas quando eleita é tentar rever a Emenda Constitucional 95 que propõe o congelamento dos investimentos em saúde educação e segurança pública por 20 anos.   
(Informações/ A Gazeta)

Comente esta notícia

Rua Ivandelina Rosa Nazário (H-6), 97 - Setor Industrial - Centro - Alta Floresta - 78.580-000 - MT

(66) 3521-6406

[email protected]