Sexta-feira, 21 de Junho de 2024

Política Segunda-feira, 16 de Julho de 2018, 00:00 - A | A

16 de Julho de 2018, 00h:00 - A | A

Política /

Prefeito diz que terá que fazer ajuste para diminuir índice da Folha



Reportagem
Mato Grosso do Norte

O prefeito de Peixoto de Azevedo, Mauricio Ferreira (PSDB) afirmou em entrevista à Mato Grosso do Norte, que a administração terá que adotar medidas drásticas para reduzir o índice da folha de pagamento que está acima do limite constitucional de 54%.

O gestor assegura que está sendo feito uma reforma administrativa para promover os ajustes necessários para atingir a meta. Hoje, conforme informações de um controle interno contratado pela prefeitura, o índice da folha de salário da prefeitura chegou a 57, 35%. 
O prefeito assegura que terá que encontrar uma forma de ajustar a folha do servidores sem ter que fazer demissões. Todavia, não descarta o corte de gratificações e de horas- extras. 
“No primeiro quadrimestre o nosso índice está bem alto, acima do limite, mas já estamos tomando algumas medidas para baixar e a reforma está sendo feita. Temos que nos adequar para atingir a meta e cumprir a lei de responsabilidade fiscal”, assegura Mauricio.
Um dos fatores que impacta a folha, conforme o prefeito, é a folha da saúde, principalmente porque os médicos ganham um salário muito alto. Entre funcionários efetivos e comissionados, o município tem mil e cinquenta servidores.  O valor da folha do funcionalismo da prefeitura de Peixoto, segundo ele, está em torno de R$ 2 milhões e 800 mil.
Diante da situação, o prefeito disse que espera contar com o apoio da Câmara. 
“Tudo passa pelos vereadores. Às vezes temos que tomar medidas e decisões impopulares, mas com responsabilidade. É remédio amargo que tem que se tomar para poder curar os problemas. Estou pensando em excluir alguns cargos e remanejar os servidores em uma outra função, porque alguma coisa precisa ser feita. Mas tomarei todas as decisões com bastante responsabilidade. Temos que nos adequar e fazer o que tem que ser feito. ”, enfatiza.

Comente esta notícia

Rua Ivandelina Rosa Nazário (H-6), 97 - Setor Industrial - Centro - Alta Floresta - 78.580-000 - MT

(66) 3521-6406

[email protected]