Terça-feira, 21 de Maio de 2024

Atualidades Segunda-feira, 18 de Julho de 2022, 08:02 - A | A

18 de Julho de 2022, 08h:02 - A | A

Atualidades / Manejo florestal sustentável

Dia na Floresta mostra processo sustentável da cadeia de exploração da madeira

Evento foi realizado na semana passada e mostrou a participantes, todas as etapas da colheita da madeira e sua sustentabilidade



Mário Ruiz do Nascimento
Mato Grosso do Norte

Na quinta-feira, 14, foi realizada na Fazenda Platina, em Sinop, a 3ª edição do Dia na Floresta. O evento foi idealizado e organizado pelo CIPEM (Centro das Indústrias Produtoras e Exportadoras de Madeira do Estado de Mato Grosso), Federação das Indústrias de Mato Grosso, FNBF (Fórum Nacional das Atividades de Base Florestal) e governo de Mato Grosso através da Sema (Secretaria de Meio Ambiente).
O Dia na Floresta tem como didática, fomentar entre os convidados de todo o Brasil a prática do manejo florestal sustentável, permitindo assim ao participante, acompanhar todas as etapas deste processo, desde a escolha da madeira, medição, corte, colheita e transporte até a chegada do produto à indústria de processamento.
O evento contou com a presença do Corpo de Bombeiros Militar, Polícia Rodoviária Federal, Sesi, Ministério Público e também estiveram presentes seis embaixadores de países que importam madeira do estado do Mato Grosso.
A Indústria de Base Floresta do Estado de Mato Grosso é referência para o Brasil e para o Mundo, produzindo de forma legal, em harmonia com o Meio Ambiente e gerando desenvolvimento econômico para todo o país.
Frank Rogieri Almeida, Presidente do Fórum Nacional das Atividades de Base Florestal e do SIMENORTE (Sindicato dos Madeireiros do Extremo Norte de Mato Grosso, destaca a importância da realização do Dia da Floresta.

Evento foi realizado na semana passada e mostrou a participantes, todas as etapas da colheita da madeira e sua sustentabilidade

“O Dia Na Floresta é para quebrar paradigmas, levar a transparência e conhecimento a todos os agentes que participam da preservação ambiental brasileira, dos participantes da execução do manejo florestal, da fiscalização, do controle e das vendas dos produtos florestais, para que possam fomentar ainda mais a aplicação dessa grande ferramenta de preservação ambiental, de preservação das florestas brasileiras, que é o manejo florestal sustentável”, enfatizou.
Já o presidente do CIPEM, Rafael Mason, observa que este foi o terceiro evento realizado. No entanto, nesta edição, estavam presentes representantes dos países importadores de madeira de Mato Grosso.
“Trouxemos eles para conhecer o manejo florestal, a sustentabilidade do setor e a rastreabilidade dos produtos de Mato Grosso”, disse.
Miguel Barcenas, embaixador do Panamá no Brasil, elogiou a prática, a definindo como uma “prática amigável ao Meio Ambiente” e reconheceu que a utilização do manejo florestal permite a recuperação florestal, fazendo com que “a geração de madeira não pare nunca, e possa seguir contribuindo com o desenvolvimento de um importante Estado como o Mato Grosso”.
“É um processo sustentável, amigável com o Meio Ambiente. É uma indústria que não é só para um, cinco ou dez anos, é um processo industrial com a proteção devida para que a geração de madeira não pare nunca, e possa seguir contribuindo para o desenvolvimento de Mato Grosso”, disse o embaixador.  

Álbum de fotos

Foto: Assessoria

Foto: Assessoria

Foto: Assessoria

Foto: Assessoria

VÍDEO

Comente esta notícia

Rua Ivandelina Rosa Nazário (H-6), 97 - Setor Industrial - Centro - Alta Floresta - 78.580-000 - MT

(66) 3521-6406

[email protected]