Quarta-feira, 22 de Maio de 2024

Política Sexta-feira, 16 de Setembro de 2022, 09:00 - A | A

16 de Setembro de 2022, 09h:00 - A | A

Política / Via Brasil

Diretor da AGER anuncia construção de rotatória de acesso à Alta Floresta

José Rodrigues Rocha Júnior Diretor da AGER/MT esteve nesta quinta-feira em Alta Floresta para dar reposta as reclamações da sociedade contra as empresa de concessão pública



José Vieira
Mato Grosso do Norte

Dr. José Rodrigues Rocha Júnior, Diretor Regulador de Ouvidoria da AGER/MT- Agência de Regulação dos Serviços Públicos-esteve nesta quinta-feira, 15, em Alta Floresta e se reuniu com vereadores, para dar respostas à inúmeras demandas com relação as empresas de concessão pública, principalmente a Via Brasil, empresa que tem a concessão da rodovia MTs-320 e 208 para a cobrança de pedágios.
Ainda no ano passado foi realizada uma audiência pública em Alta Floresta, na Câmara Municipal, com a participação de diretores da AGER. E segundo José Rodrigues, após a audiência foi aberta uma mesa de mediações pela Ouvidoria da AGER, com os atores envolvidos no processo, como os municípios de abrangência da concessão da rodovia, governo estadual e Auditoria interna responsável pela fiscalização do contrato de concessão.
“Foi apresentado as demandas expostas na audiência pública, como a necessidade da antecipação de investimentos para a construção das rotatórias de acesso à entrada da cidade de Alta Floresta. E houve a manifestação positiva por parte da Via Brasil da antecipação de obras previstas no contrato. A Sinfra [Secretaria de Estado de Infraestrutura] também se manifestou a favor e a AGER se colocou na situação de atuar para reorganizar o contrato”, garantiu o diretor da AGER.
Conforme ele, a Via Brasil já apresentou à prefeitura de Alta Floresta, o projeto da obra das rotatórias da entrada da cidade, que concordou com o mesmo. “É a prefeitura é responsável pela autorização da execução de qualquer obra dentro do perímetro urbano, mas já concordou com a obra. E agora passamos para a etapa de formalização junta a secretaria de Infraestrutura, para que a empresa faça esta obra que é extremamente relevante e urgente”, assegura.

“Será feita uma alteração no contrato, um aditivo e estabelecido um novo cronograma para a execução da obra. Ainda não foi tratado sobre o aditivo porque a prefeitura estava no processo de validar o projeto para a empresa. Mas nos reunimos com o prefeito e ele nos informou que a prefeitura deu a concordância no projeto apresentado”, disse o diretor.
Sobre as empresas que fazem o transporte de passageiros na rota Alta Floresta/ Cuiabá, serviço que também tem sido alvo de muitas reclamações, ele afirma que as empresas de ônibus já foram notificadas para fazer as adequações e melhorar a qualidade de sua frota, conforme o contrato de concessão que as mesmas tem com o Estado.
“Os ônibus tem limite estabelecidos, condições de funcionamento, números de veículos e cumprimento de horários, que são apontamentos que devem ser estabelecidos por parte das empresas”, aponta.
No âmbito da concessão de energia elétrica, segundo o diretor da AGER, também foi identificado que a execução dos serviços prestados pela empresa Energisa estão deixando a desejar. “São uma série de demandas que perpassam pela necessidade de melhora no atendimento à sociedade”, observa.
Participaram da reunião apenas os vereadores Adelson Rezende, Ilmarli Teixeira e Adriano Ferreira Freire, que é suplente e está na titularidade do cargo.

Comente esta notícia

Rua Ivandelina Rosa Nazário (H-6), 97 - Setor Industrial - Centro - Alta Floresta - 78.580-000 - MT

(66) 3521-6406

[email protected]